19 de novembro de 2012

Resenha: A Garota Americana - Quase Pronta

Quase ProntaTítulo: A Garota Americana - Quase Pronta
Título original: All American Girl - Ready or Not
Autora: Meg Cabot
Ano: 2008
288 páginas
Editora: Galera Record
Capa: 
Narrativa: 
Classificação geral: 

Sinopse:
Samantha foi convidada a passar o final de semana na casa de campo do seu namorado que não é ninguém menos que o filho do presidente! David tem mil atividades programadas para eles, mas Samantha desconfia que ele a tenha convidado por outro motivo. E, se for verdade, ela não tem certeza se vai estar preparada...

Sam já está acostumada a sempre aparecer nas capas de revistas, com sua rotina cheia de compromissos do seu trabalho como embaixadora teen da ONU, e de quase nunca ver seu namorado, o David.
Agora ela já é uma garota mais madura e já tem que batalhar pelo seu próprio dinheiro. E com o seu novo trabalho, ela quase não vê o namorado. A menos que se encontrem nas reuniões com o presidente e nas aulas de artes.

Desta vez, ela faz uma confusão pensando que o convite de David para um final de semana no Camp David, a casa de campo do presidente, para praticar esportes, ficarem juntos, e principalmente jogar ludo, é uma forma de ela ter a sua primeira vez. E sente-se desconfortável com isso. O que será que ela tem que fazer?

Opinião:

Louco.

A narrativa de Meg Cabot continua a mesma. É ótima e flui facilmente. O leitor nem percebe que as horas passam, querendo, mesmo que a história não seja tão boa assim, como é o caso, terminar logo.

O livro deu uma queda brusca. Ele era divertido e ótimo para relaxar.. e tudo bem, continuou assim. Mas, a obsessão de Samantha com o convite à Camp David... ficou cansativo, repetitivo e louco. Ela parecia uma maluca que só pensava em sexo durante todo o livro.

E o pior: ela achou que ludo era um tipo de código dos meninos para 'fazer sexo'. Isso foi meio doentio. Sendo que David nunca pareceu um garoto que fazia este tipo de coisa.. Me poupe. Ela virou uma namorada esquisita. A autora mudou totalmente o jeito de Sam.. então não gostei disso.

Tudo bem que ela fica com as dúvidas que toda adolescente tem que ter.. mas acabou sendo tudo muito anormal e estranho. Ponto negativo.

O que salvou o livro foi a narrativa. Só isso.

O ruim é que eu gosto muito da Meg, e é horrível dizer que você não gostou da obra de um dos seus autores favoritos. Confirmado que essa foi uma série 'mais ou menos' dela. 

É um livro pobre de história. Acontece sempre as mesmas coisas, e a maioria das vezes é tudo muito doido :S

Então é isso: infelizmente não recomendo. Seja feliz e leia apenas o primeiro livro da série. 

Beijos, 

Juliana.

12 comentários:

  1. A Meg também está entre meus autores favoritos, rs. Atualmente estou lendo a série Cabeça de Vento dela, e estou adorando.
    http://leituramagnifica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom! Adoro a Meg! :)
      É bom mesmo este livro? Tinha me interessado antes.. mas acabei me esquecendo.. :S

      Beijos :*

      Excluir
  2. Eu devo ser a única pessoa do mundo inteiro que ainda não leu Meg :/
    A maioria das pessoas gosta muito da maneira dela escrever,mas percebi em sua resenha, que nesse livro, teve algumas falhas né?
    Quando for começar a ler Meg, começarei por outros livros.rs

    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha que nada! Mas, não seja mais essa pessoa e leia a Meg :)
      Sim, teve muitas falhas, apesar de a narrativa dela continuar a mesma: ótima.
      Comece pela série 'A Mediadora'.. uma das minhas séries preferidas!

      Beijos :*

      Excluir
  3. Gostei de como você descreveu o livro. Não puxou o saco da autora só por ela ser a sua favorita e ter outros livros muito bons. Foi sincera. Gostei.

    Faz muuuuito tempo desde que li esse livro, e não lembro se tive essas mesmas percepções que você, no entanto, lembro de ter gostado muito.

    Mas, convenhamos, as trilogias/séries em geral, apesar de sempre terminarem com aquele gostinho de quero mais, fazendo com que nós fiquemos desesperadas pelo próximo lançamento, se, depois de finalizada a leitura da série inteira, nós paramos para pensar um pouco... certamente consideraremos o melhor livro, o primeiro. São raras as exceções.

    Parabéns pela resenha! :)

    http://valvula-de-e5cape.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Fiquei feliz por você ter gostado da resenha =D
      Eu até gostei, mas... sabe? Teve alguns pontos negativos que não tive como deixar passar!
      Super concordo! Na maioria das séries e trilogias, o primeiro é o melhor.

      Muito obrigada!
      Beijos :*

      Excluir
  4. Ai Ju, fique triste agora!

    Eu acho que vc sabe o quanto eu amo a Meg... e vê outra pessoa que se decepcionou com a sua obra... quebra o meu coração.

    Tinha gostado da sinopse do livro apesar de parecer um pouco adolescente demais ´para o meu estilo... mas pelo que vi me enganei. De fato os adolescente em sua maioria tem muito sexo na cabeça, mas um livro inteiro encima desse tema realmente não me pareceu agradável.

    Não sei se vou ler para tirar a prova, concerteza comprar eu já não vou mais.. mas se achar um ebook quem sabe eu não possa dá mais uma opinião a respeito do livro! Por enquanto estou do seu lado...triste pela Meg... mas nem sempre tudo agrada a gente =((((

    bjokassss e até a próxima!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não fique triste! Não é sempre que gostamos da obra de um autor preferido nosso! Fiquei decepcionada também, mas é normal :/
      Tem algumas partes divertidas, mas o assunto mais abordado é a primeira vez da Sam.. então foi justamente por isso que não gostei muito.
      Pois é!

      Beijos :*

      Excluir
  5. Poxa, sério que a Meg vacilou nesse? Pensei que era melhor ein. :x
    O que eu não entendo é: ninguém pensa só em sexo. Como é que uma autora coloca isso em um livro? Fica tão... forçado.

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério. Eu definitivamente não gostei dessa obra dela :(
      Também pensei que seria melhor..
      Exatamente. Ficou forçado demais, acabou me deixando com agonia de tanto que o tema era abordado por nada.

      Beijos :*

      Excluir
  6. Estou doida para ler um livro da Meg , se quiser me dá não ligo . hahaha
    Eu ami a resenha , ela tem uma escrita muito boa né? As narrativas dela são boas , pelo que li em resenhas, mas a sua resenha ficou mesmo muito legal
    Parabéns flor.
    Beeijos

    http://coracaodaliteratura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha adoro demais a Meg para dar um livrinho dela rsrs
      Sim, a escrita dela é ótima, mas acho que não posso dizer o mesmo da história.
      Obrigada!

      Beijos :*

      Excluir

Fique à vontade para comentar!
Adoro o contato com os seguidores do Blog! =D
Mas lembre-se: Mensagens preconceituosas, com propagandas, ofensas, e afins, serão DELETADAS.