5 de janeiro de 2013

Resenha: Qual seu número? - Karyn Bosnak

Título: Qual seu número?
Título original: What’s your number?
Autora: Karyn Bosnak
Editora: Novo Conceito
414 páginas
Capa: 
Narrativa: 
Classificação geral: 
Sinopse:Delilah Darling tem quase 30 anos e já se relacionou com 19 rapazes. Sua vida sentimental não tem sido exatamente brilhante, pois todo cara que conhece parece fugir do relacionamento. 
Quando lê uma matéria no jornal em que a média de homens para uma mulher é de 10,5, fica desesperada e assustada por estar muito acima dessa média. Além de tudo, o artigo no jornal terminava falando que, se a mulher tivesse o número acima dessa média, seria impossível a pessoa certa. Na tentativa de não aumentar seu número e perder de vez a chance de se casar, Delilah sai à procura de seus antigos namorados e tenta reconquistá-los. 
Será que um deles estará disposto a esquecer do passado e começar uma linda história de amor?
Meu nome é Delilah Darling. Tenho 29 anos. sou solteira, e, bem... sou uma mulher fácil. Pronto, falei. Sou fácil. Sou mesmo. Agora você sabe.

E é assim que Delilah, uma mulher que já se relacionou com 19 homens, se apresenta. Ela não se orgulha do seu número, não mesmo, até ver um artigo no seu jornal favorito dizendo que a média de uma pessoa é de 10,5 parceiros sexuais durante a vida. E mulheres que tenham o número maior que a média tem uma chance mínima de se casar.
É claro que a pequena Darling entrou em pânico. Afinal, seu número era quase o dobro da média. Então em busca de que seu número não aumente mais, Delilah estabelece um acordo com si mesma. Não vai entrar em nenhum relacionamento sexual até ter total certeza de que é o homem certo. O seu número 20.
Em busca do homem perfeito sem aumentar seu número, Delilah viaja a procura dos seus ex-namorados, tentando finalmente encontrar um parceiro para vida toda. Mas, será que isso vai dar certo?
E é esta aventura que acompanhamos junto com Delilah. Uma mulher definitivamente fácil e que não mede esforços para conseguir o que quer. Ou melhor, quem quer.


Uma comédia romântica que promete divertir o leitor com suas cenas inusitadas.

A narrativa flui facilmente. Mesmo com os parágrafos de pensamentos de Delilah, a história não fica cansativa. Pelo contrário, quando você vê, já leu tudo de uma vez. O que é muito bom.

Apesar de parecer uma bitch, com seu alto número de parceiros, Delilah é uma mulher muito divertida e uma boa pessoa. Mesmo com suas grandes mancadas, ela continua sendo uma personagem muito legal.
E Colin? O vizinho de Delilah que ajuda a procurar os ex-namorados dela. Existe pessoa mais perfeita? Haha *--* Ele é um doce, muito divertido, gentil e lindo.. rsrs

Quem já viu o filme, leia o livro. Quer saber qual a semelhança entre os dois? Exageradamente falando, o nome. É isso mesmo. Tirando algumas cenas que tem nos dois, o filme é quase independente. Apenas o assunto continua o mesmo. Por isso que tudo fica mil vezes melhor nas páginas.

Prepare-se para se divertir muito com Delilah em sua viagem em busca de seus ex-namorados. Garanto que as risadas são garantidas. 

Recomendadíssimo.

Um beijo,
Juli.

5 comentários:

  1. Nunca li o livro, mas já vi o filme - sem nem saber que tinha um livro! - e me apaixonei. A história é demais, sou apaixonada pela Anna Faris e pelo Chris Evans (ahhhh Chris... HAHAHA) e, se o livro for 10% do que achei do filme, já vou amar. E, pelo que você falou, ele é muito bom! Se tem coisa que me irrita são parágrafos de pensamento enormes, mas quando a personagem é legal, nem percebemos eles.
    Beijos, Carol - Le-Rêveur ♥

    ResponderExcluir
  2. Que bom que você gostou.
    Esse foi um dos livros que mais gostei de ler. e me fez cair na gargalhada. hahaha
    Adorei mesmo.
    Sua resenha sobre ele ficou fantástica.
    Beijinhos.


    coracaodaliteratura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Juliana! Li esse livro há um tempinho e me diverti muito durante a leitura, assim como você!
    É um livro leve e super bacana... Ri demais com todas as loucuras da personagem. E pura verdade isso o que você disse: o Colin é perfeito! Hahahaha
    Assisti o filme há alguns dias e gostei bastante também... É super diferente do livro mesmo, mas ambas as obras valem muito a pena! (Sem contar que o Colin é o maior gatinho nas telonas! AUSHUASHU)

    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  4. Oi Ju! Vi este livro em todas as retrospectivas de 2012 e fiquei com muita vontade de ler, o filme eu adorei, então acho que vou curtir muito a leitura.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  5. Odeio quando pegam a essência de um livro e transformam em livro. Achei o filme divertido, mas não foi um dos melhores que já vi. E pelo visto acho que vou gostar mais do livro, pelo que você falou. rsrsrsrs

    Bjs,
    Garotas de Papel

    ResponderExcluir

Fique à vontade para comentar!
Adoro o contato com os seguidores do Blog! =D
Mas lembre-se: Mensagens preconceituosas, com propagandas, ofensas, e afins, serão DELETADAS.